0 Comments

A cidade de Braga fica no norte de Portugal, na região do Minho. Com uma população de 183 mil habitantes, a cidade ganhou o título de Capital Europeia da Juventude em 2012, apesar de ter sua fundação datada do ano 16 a.C.

Se você é o tipo da pessoa que gosta de história e cultura, com certeza irá adorar conhecer Braga e quem saber até morar lá?

cidade de braga em PortugalBraga possui uma história bi-milenar que se iniciou na Roma Antiga, quando foi fundada em 16 a.C. como Bracara Augusta em homenagem ao imperador romano Augusto (r. 27 a.C.–14 d.C.)

Com uma história muito rica, a cidade portuguesa não está nos principais roteiros turísticos de Portugal, porém se você quiser conhecer o município, vai se encantar com tanta beleza.

 

Custo de vida em Braga

Para quem pretende passar de 15 a 30 dias em Braga, aqui está um dos fatores muito importantes a serem levados em conta: o custo de vida.

Considerada uma das cidades mais baratas para se viver em Portugal, Braga tem um custo de vida baixo em relação a outra cidades portuguesas como o Porto e Lisboa, e muito baixo se comparada a outras cidades europeias.

Um apartamento de dois quartos tem um custo de aluguel mensal médio de €350, a passagem de ônibus custa €1,55 (se comprada antecipada baixa para €0,72), um jantar para duas pessoas em um bom restaurante pode sair por €25 com bebida, sobremesa e café. Além disso, os custos mensais com água e energia para um casal beiram os €80.

Caminhando pela cidade de Braga

Está a chover e o tempo já pede botas, camisas quentinhas e algo que nos aqueça o “coração”.  A escolha não será difícil, o cheiro característico do outono já paira na cidade. Falamos das castanhas, claro! São quentinhas, são boas, e são, também, nutritivamente ricas. A garantia é dada pela Direção Geral de Saúde que fala das castanhas como um “verdadeiro tesouro do ponto de vista nutricional”.

É por esta época que surgem os vendedores ambulantes de castanhas assadas, nos tradicionais cartuchos de papel, como é o caso de Felisbela. A castanheira de Braga, como é assim conhecida, já vende castanhas há 30 anos. O carinho e dedicação com que o faz é a alma do negócio.

Aos 85 anos de idade despede-se todos dos dias do conforto do seu lar para conseguir um dinheiro extra. “Eu estou reformada, mas o meu dinheiro não chega para tudo”, confessa Felisbela. O negócio que já é de família, começa sempre no mês de setembro e só termina quando as castanhas acabarem. “Só lá para março ou abril. Enquanto há castanhas eu vendo sempre. No resto do ano dedico-me ao artesanato”, conta.

Caminhar é certamente uma das melhores maneira de conhecer uma cidade e Braga Tours oferece um excelente pacote turístico (dentre outros) que consiste numa caminhada guiada pelo centro histórico da cidade de Braga. O celular (telemóvel) de contato é o do proprietário, Sr. Jorge, um conhecedor da história de Braga e de sua inserção na Europa. O passeio durou três horas com direito a uma taça de vinho moscatel na Casa das Bananas. Foram momentos muito agradáveis de conhecer visualmente e ouvir a história dessa cidade, das suas igrejas e monumentos históricos. Recomendamos muito para quem gosta de caminhar e se misturar com o povo local.

Café A Brasileira
A_Brasileira_Braga_portugal-17  O café abriu pela primeira vez em 1907, uma franquia dos cafés já existentes, chamada de brasileira por Adolpho de Azevedo, um comerciante português e vice-conselheiro do Brasil. Esta nova encarnação do estabelecimento tradicional inclui não apenas grãos de café, mas também excelentes vinhos do Douro. Para atrair clientes à sua loja de atacado, Azevedo manteve o costume da A Brasileira em Lisboa: ele ofereceu uma xícara de café, com a compra de 0,5 quilo de grãos de café.

A pastelaria regional com uma receita que tem 100 anos: Jesuíta – massa folhada + ovo e recheio de açúcar coberto com fina camada de merengue duro. Eles servem doces locais, bem como deliciosos bolos.

fohado-a-brasileira doces-e-folhados-portugueses

Cafe  A Brasileira 
Largo do Barão de São Martinho 17,
4700 Braga, Portugal

Santuário do Bom Jesus do Monte

Braga_portugal-26A igreja está situada nos arredores de Braga, e você chega à igreja a pé, carro ou bonde, que é um excelente exemplo de engenharia fantástica do século XIX. Inaugurado em 1882, ainda utiliza um sistema hidrelétrico para transportar passageiros a 300 metros de altura, tudo em apenas três minutos.

A igreja em si foi desenhada por Carlos Amarante em 1784, inspirada no estilo neoclássico italiano. Amarante incorporou as técnicas deste estilo distinto e fundiu-se perfeitamente com a paisagem deslumbrante de Braga. A escada que leva ao topo exibe dezessete aterragens que são ornamentadas com fontes simbólicas, estátuas alegóricas e algumas outras decorações barrocas. Uma vez que você aprecie os desembarques, você pode virar e olhar para cima para enfrentar a visão extraordinária para o topo.

Rosana_McPhee_Braga_portugal-27Uma vez dentro da igreja tranquila, você notará as importantes pinturas do século XVIII de Pedro Alexandrino. Além disso, do lado de fora é o Museu da Confraria, que compartilha sua vasta coleção de itens religiosos, bem como uma biblioteca criada em 1918.
Imperdível se você estiver na área.

 

Curiosidade de Braga

Há uma rivalidade entre as cidades do Porto e a de Braga. Não é nada grave, mas para os portugueses a Francesinha, um prato típico do Norte do país, é algo sério e esta iguaria pode ser encontrada em várias cidades.

Se você tiver a oportunidade de experimentar em Braga aconselhamos a Taberna Belga e no Porto indicamos a Francesinha Café.

 

 

Tags:,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *